01/05/2017

[Resenha Nacional #8] Deliciosa Obsessão - Valentina K. Michael

| |
Deliciosa Obsessão

Edição:
Gênero: Romance
Editora: Pandorga
Ano: 2016
Páginas: 384
Autora: Valentina K. Michael

Sinopse: Nenhuma mulher esperta se aproxima demais de Enzo, Davi e Max; os três executivos mais elegantes, sensuais e desejados da cidade. Entretanto, a jovem Maria Luiza escolheu o mais cretino e indecente de todos: Enzo Brant Marques. Quando Enzo a humilhou, ele nunca imaginaria uma revanche do destino. Após seis anos, Malu volta e ele amaldiçoa todo seu desejo e obsessão por ela. Porém, o que ela mais deseja é ignorá-lo em um plano de vingança. Enzo é determinado e obcecado e, junto com os amigos, arquiteta um plano simétrico e infalível para tentar encurralar Malu e dominá-la em uma cama. A pergunta é: qual dos dois conseguirá sair ileso desse apaixonante jogo?




Deliciosa Obsessão é um livro que conta a história de Maria Luíza ou simplesmente Malu e — executivo gatão — Enzo Brant. 

Logo de início, quando visei a quantidade de páginas do livro deu-me um certo receio de ler a obra, porque minha opinião é: quando o livro é digamos que muito "grande", ele fica cansativo e o autor (a) deve "ralar" muito para que isso não aconteça. No entanto, ao iniciar a leitura da obra, fiquei surpresa com a mesma, logo entenderá o motivo.

O romance retrata a história de amor entre dois personagens obsessivos. Malu desde novinha teve uma obsessão por Enzo, ela vivia correndo atrás dele, implorando por sua atenção, Enzo é amigo da família de Malu e considerado filho para Jonas (pai de Malu). Quando Maria Luíza tinha 18 anos de idade e Enzo 28 anos, ele para não acabar caindo nas seduções de Malu, optou por se casar com alguém que ele não amava e humilhou Malu, falando que jamais ficaria com a mesma que ela era apenas uma garota que estava acostumada a ter tudo o que queria, a garota ficou arrasada e Enzo também, porque ele também a amava, todavia, por achar que ela era nova de mais e os pais dela não aprovaria tal romance, tomou essa decisão. 
Passou-se seis anos, Enzo se divorciou e Malu voltou para o Brasil, com a missão de se vingar de Enzo, e é ai que começa os jogos de sedução entre eles.

Não entendo o por que mulheres tendem a gostar de cafajestes, não entendo por que todo meu ser anseia por esse patife, contudo está aqui, encalacrado no meu peito. Foi paixão a primeira vista.

Ao discorrer da trama a autora Valentina brinca com seus leitores, ao lermos não sabemos de qual lado ficamos, temos momentos que estamos amando o executivo obsceno, noutra hora estamos odiando-o o mesmo acontece com Malu, a história deles é maravilhosa, estamos durante todo o livro torcendo para ambos é um jogo de obsessão sem fim. O romance é hot, porém não é apenas sexo que move a estória, tem humor, paixão, de tudo um pouco, ao nos apaixonarmos por Enzo Brant automaticamente nos apaixonamos por Davi (irmão dele) e Max ( melhor amigo) esse trio de executivos obscenos faz qualquer leitora suspirar por eles, os mesmos se acham os macho alfas e a última coca-cola do deserto e sabe o que é pior? Eles realmente são.

Recomendo o livro primeiramente porque eu amo romances que o cara não é perfeito, entretanto faz de tudo para ser o melhor possível, em segundo lugar porque a autora é maravilhosa, ela consegue tragar seus leitores para dentro da trama, nos faz rir, chorar se apaixonar e isto é o que prezo em um bom autor (a). 
Observação: o livro é tão incrível — na minha opinião — que li em apenas um dia.