30/04/2017

[Resenha Internacional #3] A Garota no Trem | Paula Hawkins

| |
Direitos autorais do blog

Edição: 11ª

Gênero: Ficção inglesa

Editora: Record

Ano: 2016

Páginas: 325

Autora: Paula Hawkins

Sinopse: Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida.
Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos.
Uma narrativa extremamente inteligente e repleta de reviravoltas, A garota no trem é um thriller digno de Hitchcock a ser compulsivamente devorado. 

 

Rachel todos os dias pega o trem para ir trabalhar, nisso ela cria histórias com um casal que seus nomes em sua cabeça eram Jess e Jason. Sua vida é muito complicado, ela perde o emprego, o marido e fica morando sozinha e nisso sua bebedeira começa. 

 Às vezes, me pego tentando me lembrar da última vez que tive contato físico de verdade com alguém, um abraço, um aperto de mão que seja, e sinto uma dor no coração.

 

Todos os dias mesmo não sendo empregada, continua com sua rotina pegando o trem e passeando pelos lugares de sua cidade. Até que um dia Jess sumiu, e ela viu algumas coisas dentro do trem que poderia lhe acusar. Ela decidi ajudar o marido dela e a policia a resolver o caso. 

 

São tudo o que perdi, são tudo o que eu quero ser.

 

Mas nem tudo é tão fácil assim, seu passado lhe acusa por muitas coisas. Seu ex e a esposa dele tenta incrimina-la. Mas no final tudo é tão cheio de surpresas! Nem eu mesma pensava que ele fosse (não irei revelar quem é o culpado haha) que acabou com meu psicológico!